NETFLIX | THE RETURNED – TEMPORADA 1 (CRÍTICA)
Direção
Roteiro
Efeitos Visuais
Fotografia
Elenco
3.6Pontuação geral
Avaliação do leitor: (0 Votos)

‘VERSÃO AMERICANA É COMPETENTE, MAS NÃO CONQUISTA’

The Returned foi uma aposta do estúdio A&E, mesmo de, para conquistar o público que é mais chegado em uma trama misteriosa e sobrenatural. Seguindo os mesmos passos que a versão original, a série francesa Les RevenantsThe Returned agrada, mas não mostra nada de especial em relação a sua inspiração.

Na série, uma cidade, aparentemente normal, começa a receber estranhos convidados. Os mortos decidem ressuscitar e viver como se nada fosse anormal. Ao mesmo tempo que a chegada – ou seria volta? – trouxe bons sentimentos, uma série de eventos sobrenaturais começa a acontecer na cidade, fazendo toda população refém do destino.

Cada trama é desenvolvida com eficiência ao longo dos 10 episódios encomendados

Para isso, a série foca em 5 personagens principais: Camille (India Ennenga), uma jovem que morre em um acidente de ônibus; Victor/Henry (Dylan Kingwell), um garotinho que foi assassinado há quase 3 décadas; Helen (Michelle Forbes), uma mulher que morreu na enchente que devastou a cidade pouco tempo depois da morte de Victor; um maníaco assassino chamado Adam (Rhys Adam), que foi enterrado vivo por seu irmão; e Simon (Mat Vairo), um garoto que cometeu suicídio. Cada trama é desenvolvida com eficiência ao longo dos 10 episódios encomendados. O vínculo com o passado, que faz questão de aparecer em todo começo de episódio, faz com que o espectador veja que há algo a mais nos escolhidos, que não foi por acaso. Os arcos dos personagens centrais são conectados aos demais numa longa bola de neve e resolvidos um por um, com cada episódio focando em um específico.

Em The Returned, o suspense toma conta. Aparições repentinas, coisas estranhas acontecendo, luzes piscando, menino assustador, serial killer, há vários elementos que compõem o gênero. Também há o romance e o drama, em destaque na trama de Simon. O personagem tem uma porção de cenas com seu par romântico de arrancar o coração. De tudo um pouco, a versão americana se assemelha bastante a versão original.

O vínculo com o passado, que faz questão de aparecer em todo começo de episódio, faz com que o espectador veja que há algo a mais nos escolhidos

A atuação é outro ponto forte. Nomes conhecidos do público voltam forte em The Returned. Estrelando Kevin Alejandro – o Jesus de True Blood -, que faz um policial apaixonado e destemido com muita qualidade. Também está presente Mark Pellegrino, o Lúcifer de Supernatural, que interpreta um pai desolado depois da morte de sua filha. Entre os novatos, Mat Vairo (Simon) e India Ennenga (Camille) entregam um ótimo trabalho como principais. Seja no drama, suspense ou romance, os dois mandam bem.

Mark Pellegrino, o eterno Lúcifer em Supernatural, faz um pai desolado depois de perder sua filha

Sem contar com um visual bonito e misterioso e efeitos especiais competentes – mas não muito utilizado -, The Returned cumpre o que lhe foi prometido com qualidade. Embora não tão bem recebido como Les Revenants (a série recebeu média de crítica 9/10, sem contar diversos prêmios internacionais), a obra cumpre seu papel de adaptar. Mas a verdade é essa: se for pra ver mais do mesmo, apenas com áudio em inglês, assista ao original logo.

Ficha Técnica

THE RETURNED (The Returned)
Distribuidor: Netflix
Gênero: Drama, Fantasia
Data de Lançamento: 10 de Março de 2015
Tempo de Duração: 42 minutos
Direção: Keith Gordon, Vincenzo Natali, Charles Martin, Jenniffer Getzinger, Stephen Williams, Deran Serafian
Criador: Carlton Cuse
Roteiro: Carlton Cuse, Raelle Tucker, Regina Corrado, Graham Roland, Bronwyn Garrity, Gianna Sobol
Produtores: Carlton Cuse, Raelle Tucker

Elenco: Kevin Alejandro (Tommy Solano), Agnes Bruckner (Nikki Banks), India Ennenga (Camille Winship), Sandrine Holt (Julie Han), Sophie Lowe (Lena Winship), Mat Vairo (Simon Moran)

Sinopse: Uma pequena cidade tem sua rotina completamente alterada quando vários residentes locais, que se imaginava terem falecido há tempos, reaparecem sem ter envelhecido um dia sequer. Sem saberem da própria fatalidade, eles tentam retomar as próprias vidas, mas estranhos fenômenos e assassinatos grotescos começam a ocorrer sem explicação.

Comentários

comentários