‘NOSSA DURA REALIDADE BEM NA FRENTE DOS NOSSOS OLHOS’

O Rio de Janeiro é conhecido pelo mundo como a Cidade Maravilhosa, mas como na maioria das cidades brasileiras, junto com o título, vêm problemas sociais que há tempos tentamos resolver sem sucesso. De todos os problemas, o que mais afeta diretamente a população é a questão da saúde pública.

Muitas são as filas dos pacientes que se formam em frente aos hospitais públicos na esperança de receber um atendimento parecido com aquele que é prometido em nossa Constituição. Essa situação é amplamente relatada no novo filme do aclamado diretor brasileiro Andrucha Waddington, com data de lançamento para o dia 17 de novembro.

sob_presssao-3

Ambientada no Pronto Socorro de um hospital público no Rio de Janeiro

Ambientada no Pronto Socorro de um hospital público no Rio de Janeiro, Sob Pressão acompanha um dia de trabalho do Dr° Evandro (Júlio Andrade) e sua equipe médica, composta pela doutora Carolina (Marjorie Estiano) e  Dr° Paulo(Ícaro Silva), responsáveis pela  emergência, tentando salvar vidas com os poucos recursos que possuem. Durante um tiroteio na comunidade na qual o hospital é localizado, uma criança de classe média alta, um policial e um traficante dão entrada em estado grave.  Devido à precária realidade, a equipe tem a complicada e arriscada decisão a tomar, quem irão salvar?

Apesar de estar em um formato cinematográfico de ficção, a produção pode ser encarada como um documentário, já que relata todos os problemas por quais os médicos da nossa cidade e do país enfrentam diariamente. Rotina de trabalho excessiva, falta de médicos, de pagamento, hospitais lotados, violência gratuita, desrespeito e pressão aos médicos são temas abordados com foco e realidade no roteiro, transmitindo a mensagem de forma fiel e trazendo a tona uma reflexão sobre como estamos tratando nossos profissionais e principalmente nossa população. Outra questão bem levantada é a violência na cidade, principalmente nas áreas mais carentes e o abuso de poder dos policiais dentro do hospital, interferindo diretamente no trabalho dos profissionais da saúde púbica.

sob_presssao-1

Sob Pressão acompanha um dia de trabalho do Dr° Evandro (Júlio Andrade)

Aliado ao roteiro, a edição e a direção também contribuíram para que a produção tenha o ar de documentário. Cortes secos e takes curtos, bem parecidos com técnicas utilizadas em seriados da televisão.  A fotografia e a trilha sonora apesar de serem bem sutis, também segue a linha da direção e da edição, com qualidade no produto final.

Sob Pressão reflete o nosso cotidiano. É nossa dura realidade bem na frente dos nossos olhos. Uma ótima oportunidade para se debater e refletir sobre a cidade, suas questões sociais e principalmente sobre o que podemos fazer para mudar esse quadro assustador.

Ficha Técnica

sob_presssao-4
SOB PRESSÃO
Distribuidor/ Produtora: H2O Films
Gênero: Drama
Classificação Etária:
Data de Lançamento: 17 de Novembro 2016
Tempo de Duração: 1h 30 minutos
Direção: Andrucha Waddington
Roteiro: Renato Fagundes, Leandro Assis, Claudio Torres, Luiz Noronha, Renato Fagundes
Produtores: Andrucha Waddington, Leonardo M. Barros, Guel Arraes, George Moura, Lorena Bondarovsky
Supervisor de Design de Som: Alessandro Laroca
Trilha Sonora: Antonio Pinto

Elenco: Júlio Andrade (Dr. Evandro), Ícaro Silva (Dr. Paulo), Marjorie Estiano (Dr. Carolina), Andréa Beltrão (Ana Lúcia), Stepan Nercessian (Samuel).

Sinopse:

Dr. Evandro (Júlio Andrade) e sua equipe, formada também pelos doutores Paulo (Ícaro Silva) e Carolina (Marjorie Estiano) enfrentam um tenso dia no hospital em que trabalham quando têm que realizar três cirurgias muito complicadas: um traficante, um policial militar e uma criança. O que complica o caso é que os três foram feridos no mesmo tiroteio em uma favela próxima ao hospital.

CRÍTICA | SOB PRESSÃO
Direção
Roteiro
Elenco
Fotografia
Trilha Sonora
4.3Pontuação geral
Avaliação do leitor: (0 Votos)

Comentários

comentários