“IT JUST WORKS”

“It just works” (simplesmente funciona). Com essa frase, Steve Jobs iniciou a maior revolução tecnológica que contagiou o mundo impondo uma simplificação no mercado dos computadores e gadgets, proporcionando acessibilidade aos usuários comuns. Criou a Apple, a maior e mais rentável empresa de tecnologia do mundo. Jobs presenteou o mundo com produtos além da tecnologia  e nos inseriu em uma cultura de consumo e status social.

Como todo gênio, era controverso e provocava não apenas admiração, mas também desprezo por atitudes de um verdadeiro perfeccionista e workaholic. Sempre buscou qualidade extrema e foi visto por muitos como tirano. mas não se pode negar que Jobs revolucionou um mercado e deixou um legado amado por milhões de pessoas.

Hoje faz cinco anos que perdemos esse gênio e, em homenagem, separamos uma lista de filmes relacionados à era da informação e gênios que facilitaram nossa vida. Confira abaixo e conheça esses filmes!


STEVE JOBS (2015)

Steve Jobs é um filme baseado na biografia definitiva e autorizada do homenageado do dia, que foi escrita pelo jornalista Walter Isaacson. Sucesso de crítica, o longa apresenta importantes e decisivos momentos da vida de Jobs, interpretado brilhantemente pelo ator Michael Fassbender enquanto Kate Winslet deu vida a Joanna Hoffman. Ambos concorreram ao Oscar 2016 por suas atuações. O diretor Danny Boyle conseguiu de forma vibrante mostrar os bastidores do lançamento do computador Macintosh, da empresa NeXT, além da tensa e intrigante relação de Steve com sua filha.


PIRATAS DO VALE DO SILÍCIO (PIRATES OF SILICON VALLEY, 1999)

Filme produzido para TV americana, dirigido por Martyn Burke, apresenta muito bem a corrida do desenvolvimento de um computador mais amigável e a criação das duas empresas que polarizaram e definiram o uso dos sistemas operacionais. A produção foca na rivalidade entre Steve Jobs e Bill Gates, criador da Microsoft. Piratas do Vale do Silício fez um grande sucesso entre o público brasileiro e uma grande curiosidade é que o ator Noah Wyle foi tão marcante no papel de Steve Jobs, que foi convidado pelo próprio para participar do evento Macworld de 1999 e reviver o personagem.


O JOGO DA IMITAÇÃO (THE IMITATION GAME, 2014)

O que seria dos computadores, smartphones e internet sem a figura de Alan Turing? NA-DA. O matemático britânico considerado o pai da Informática ganhou merecidamente o excelente filme: O Jogo da Imitação. A história é uma adaptação do livro “Alan Turing: The Enigma”, escrita por Andrew Hodges, que mostra o período da Segunda Guerra Mundial em que, como nos dias de hoje, a informação é primordial. Para vencer os alemães, o governo britânico precisava decifrar um poderoso código e para isso, convocaram uma equipe com os melhores matemáticos, entre eles, Alan Truring. O filme apresenta os problemas de relacionamento de Turing, interpretado por Benedict Cumberbatch (sucesso de crítica, ganhou grande destaque no cenário de Hollywood depois desse papel), com sua equipe e sua grande incentivadora Joan Clarcke (Keira Kinightley), e seu grande projeto de construção de uma máquina capaz de decifrar os códigos alemães em apenas 18 horas, que proporcionou o início do desenvolvimento da computação. Mais uma produção em que o casal principal recebeu indicação os Oscar pelo excelente desempenho.


A REDE SOCIAL (THE SOCIAL NETWORK, 2010)

A internet se divide entre antes e depois de 2003, graças a mente brilhante e empreendedora de Mark Zuckerberg. A maior rede social do mundo, o Facebook, mudou completamente a relação das pessoas. O diretor David Fincher retrata de forma dramática e bem contestada a criação da rede social pelo jovem Zuckerberg, interpretado Jesse Eisenberg. A ideia inicial era facilitar a comunicação entre os alunos de Havard, mas tomou a proporção que conhecemos hoje e se transformou em um império das relações sociais na Web. A Rede Social foi aclamada pela crítica, abocanhou simplesmente três Oscar e outros prêmios.


REVOLUTION OS (2001)

Linus Torvalds. Você pode não conhecer esse nome, mas quem é da área de informática certamente conhece, porque simplesmente aos 22 anos, esse finlandês criou um verdadeiro reboliço no mercado de sistemas operacionais apresentando um sistema de código aberto e desenvolvimento colaborativo, brigando por espaço com os sistemas da Apple e Microsoft. Torvalds foi o criador do Linux. Esse documentário é dirigido pelo diretor J. T. S Moore, e trata da história e filosofia do Software Livre, apresenta a cultura hacker e a explosão do Linux na década de 90. O documentário conta com depoimentos de figuras importantes desse cenário e claro a de Linus Torvalds, criador do Linux. Vale muito a pena assistir e conhecer um lado da informática que não é tão popular fora do ambiente técnico computacional.


STEVE JOBS – O HOMEM E A MÁQUINA (STEVE JOBS: THE MAN IN THE MACHINE, 2015)

A importância de Jobs é tão grande, que foi retratado em vários filmes e esse documentário dirigido por Alex Gibney não poderia faltar. Nesse longa de mais de duas horas, Gibney procura capturar a essência do criador da Apple e faz uma análise sobre o legado de Jobs. Você vai assistir entrevistas com pessoas que se relacionavam com Steve, mas não com dirigentes atuais da Apple, que criticam a maneira que Jobs foi retratado. É interessante assistir esse documentário para conhecer mais a trajetória desse gênio ou tirano do Vale do Silício, incluindo episódios polêmicos envolvendo o reconhecimento da paternidade de Lisa.

Comentários

comentários